CERTIFICAÇÕES

FSSC 22000 – Certificação do Sistema de Gestão de Segurança de Alimentos

 

 

O que é a norma de certificação FSSC 22000?

A norma FSSC 22000 é um esquema de certificação de segurança de alimentos baseada na norma reconhecida internacionalmente ISO 22000​ e complementada por normas técnicas, como a ISO TS 22002-1 para a fabricação de alimentos e a ISO TS 22002-2 para a fabricação de embalagens. Também é totalmente consistente com outras normas, como ISO 9001 e ISO 14001 (incluindo o alinhamento com a Estrutura de Alto Nível ISO). 

Ele visa especificamente o setor de manufatura de alimentos, rações e embalagens, bem como os setores de armazenamento e distribuição, alimentação e varejo / atacado. Embora as primeiras edições da FSSC 22000 se apliquem apenas a fabricantes de alimentos, o escopo da versão atual foi estendido a outros segmentos da cadeia de suprimentos e é reconhecida pela Global Food Safety Initiative - GFSI.

Em novembro de 2020, foi publicada a versão 5.1 do esquema de certificação FSSC 22000, com o objetivo de manter conformidade com os mais recentes requisitos da Global Food Safety Initiative (GFSI).

ABNT NBR ISO 9001:2015

 

 

A ISO 9001 é uma norma reconhecida internacionalmente que foi criada para certificar o Sistema de Gestão da Qualidade (SGQ) e determinar quais são os requisitos para a implementação desse sistema em uma empresa.

Elaborada pelo Comitê Técnico Quality Management and Quality Assurance (ISO/TC 176), a ISO 9001 foi traduzida e publicada no Brasil pela ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas) em 2015, por isso seu nome é ABNT NBR ISO 9001:2015.

 

O principal objetivo da ISO 9001:2015 é garantir que os produtos e serviços fornecidos pela empresa satisfaçam os clientes com uma garantia de qualidade e segurança. 

 

Entre os benefícios que a ISO é capaz de aportar a uma empresa, estão:

·         Contextualizar o momento atual da empresa;

·         Obter uma visão abrangente através de uma abordagem de processos;

·         Identificar riscos e corrigi-los;

·         Medir e avaliar a eficácia do processo atual, assegurando a melhoria contínua;

·         Monitorar a satisfação dos clientes constantemente